Olga  Kapatti.K

Estou , há 8 anos , percorrendo o caminho virtual, onde pude conhecer muitas pessoas  especiais , poetas e art designers e com os quais posso receber e transmitir carinho e amizade sincera.
Gosto de idealizar eventos e colocá-los em prática e foi assim que criei o grupo Poesias e Atualidades , desativado para dar origem à AVPB - Academia Virtual Poética do Brasil que está no ar desde 05 de junho de 2.001 Um espaço reservado a poetas , onde se respira
poesia de qualidade.
Implantei a Coordenadoria de Comunicação Social de Órgão publico federal onde adquiri larga experiência nos campos ,pessoal e profissional. Fui Auditora Fiscal Federal de carreira.
Aposentada há 3 anos considero-me, neste campo, uma pessoa realizada e com a sensação de dever cumprido.
Apaixonada por animais, convivo com um bichon maltês de 2 anos, a quem dei o nome de Baby Boy. É uma de minhas alegrias.
Vivo, atualmente , em minha terra natal, São José do Rio Preto, grande e querida cidade do interior paulista, de onde me ausentei por mais de 20 anos por exigência de trabalho, mas sem nunca ter cortado essas raízes, agora retomadas. Este é um fator importante para mim, tanto quanto para a minha família.
Curiosamente, o meu marido já assumiu a minha cidade como sua.
Não me considero poeta! - Tenho inspiração para a escrita, apenas isso.
- Minha inspiração começou com a leitura de poemas do famoso J.G. de Araújo Jorge , Poeta Brasileiro , o qual guardo uma forte influência, até hoje. em meus escritos.

Olga Kapatti
São José do Rio Preto, 20 de novembro de 2.007

*Partiu em 24 de julho de 2009, deixando muitos amigos e muitas saudades...

 

Te amo... Porque te amo!


Te amo:

__ na amplitude do silêncio,
no barulho das conversas,
no tic-tac do relógio,
na correnteza do vento,
nas águas do oceano,
nas areias do deserto.

Te amo:
__ na dor da solidão,
na alegria dos festejos,
nos meus sonhos,
na minha realidade,
no meu atino
no meu desatino.

Te amo:
__ no além das estrelas,
no mundo universal,
nas palavras grafadas,
nos meus pensamentos.

Te amo:
__além do infinito,
Te amo:
__mais hoje do que ontem,
Te amo __ porque te amo!

 

Em Sintonia com o Amor Universal

 

Para se falar em amor universal mister citar D'us, universo,
planeta, natureza, seres vivos e, finalmente, o homem.
Como se pode ver, muito se precisou para que o ser humano
chegasse em nosso plano terrestre
e que
em sua bagagem espiritual, trouxesse
a manifestação pura de seu criador:

__o Amor!!

Mas será que todo ser racional possui tal sentimento
para com os seus semelhantes?

__ Infelizmente, não!

D'us se faz presente, porém, lhe concede o livre arbítrio,
para deste sentimento maior, fazer o seu caminho,
se assim preferir:

__ Nem sempre o quer!!


Porque será que uns são tocados pelo amor
e outros não?
Porque tanta inveja e ódio entre irmãos?

Terão, os homens, que permanecer sempre atentos,
em vigília constante,
para que, sentimentos negativos,
não se apoderem de suas vidas,
obrigando-os a navegar por
mares de águas turvas,
onde o sofrimento se perpetuará:

__Em único meio de acesso!!

O homem de bem estará sempre procurando a paz
para com o seu semelhante e para consigo mesmo.
Retira-se no silêncio de suas meditações
e reflete sobre o que se passa a sua volta,
sempre fundamentado nos ensinamentos
do Ser Superior e na busca incessante
de sentimento puro em sua plenitude:

__O amor!

A renúncia a este dogma primordial
vai deixá-lo alienado e desprotegido.

O sentimento de amor o induz
ao desenvolvimento do corpo e da alma
elevando-o mais próximo de D'us
colocando-o em sintonia perfeita
à luz divina do:

__Amor Universal!!!!

 

Somos Mortais Errantes,Nada Mais!

O Perdão sugere:
__Anterior pecado, erro,
desterro,
um inesperado adeus
o amor que partiu,
alguém se feriu.
E quem somos? __ D'us?

Perdoar não nos caberá:

__Somos mortais errantes nada mais.
Impuros seres, tentados ao pecado.
Alheios, muitas vezes,
aos mandamentos do Senai.
Repletos de vicissitudes,
imperfeitas atitudes,
amores não correspondidos,
amor próprio ferido,
rivais com iras às escondidas,
rancores a macular a alma.

Tudo a resgatar em milênios de vidas "carmicas".
E ainda queres, por si mesmo,
perdoar ao teu irmão
ou exigir dele o seu perdão?
__Te acalma!!

Como perdoar? Se antes não foste perdoado?

__Curva-te perante ao nosso Pai.
Roga-Lhe o perdão.
Somente a Ele
caberá tal decisão!!!

 


http://www.avpb.olga.kapatti.nom.br/academicos_avpb/01_olgakapatti_ac&p.htm

 

 

Música: It's Impossible

 

 

Voltar Menu

 

Art by Ligi@Tomarchio®