joaquim  evónio

03/09/1938 - 23/06/2012


Nasceu na freguesia de Santa Maria Maior, Funchal, Madeira - Portugal, 1938.
Publicou "Sombra em Clave de Sol", Contos, Universitária Ed. Lisboa, 1999 (esgotado) e "Esboços Pessoanos", (3.ª ed. bilingue), poemas sobre desenhos de José Jorge Soares, Ceres Ed., Lisboa, 2006.
Autor de diversos prefácios e recensões. Antologiado em várias obras.
Membro da Associação Portuguesa de Escritores, do Instituto Açoriano de Cultura e da Ordem Nacional de Escritores do Brasil.
Participa em diversas Listas culturais da Internet.
Gere, desde 1 de Fevereiro de 2004, a "Varanda das Estrelícias - Uma Ponte sobre o Atlântico", em www.joaquimevonio.com , onde promove a difusão da língua e cultura lusófonas.
Recebe colaboração em espacoabertovaranda@gmail.com - (poesia, prosa e artes plásticas) e em varanda@joaquimevonio.com - (Eventos/Agenda e Eventos/Notícias).

*Dia 23 de junho de 2012 parte nosso querido poeta e amigo deixando saudades!

  O Corpo e a Alma

 Para a Susana

Harmonia sedas crepes e sonhos
em pontas de pés e braços alados
és poalha de luz envolta em chamas
tão leve como as asas mais brancas
sob os lagos imortais dos teus olhos

Ao despir as penas das tuas mágoas
na sublime nostalgia dos gestos
só alma se vê inocente e pura
voo d'amor sorriso d'esperança

 

A LUZ DO TEU NOME
Para a Princesa

Foi num farrapo de nuvem branca
que escrevi o teu nome
e em renda se tornou
brilhante, da côr da luz!
Ergueu-se em letras dançantes
donde brotou a poesia
que o Céu adorou
e lhe serve de alimento...
Continua sonhando no ar,
voando nas asas do vento,
escrevendo amor p'lo Universo.
Faz da Vida um verso
e da Humanidade um poema
inspirando os corações!
E os amantes entenderam
ao olhar o azul estrelado
que cada estrela é uma letra
do teu nome iluminado!

 

Mar

nasci numa ilha
a minha terra é o mar
a brisa e o vento
tornando pandas as velas
do nosso contentamento


voltei ao meu cais
mas apenas de passagem
não demoro mais
tenho de seguir viagem
pois assim vive um arrais


foi bom navegar
trespassando horizontes
lançando as pontes
dessa linha virtual
para as terras do além

 

www.joaquimevonio.com

Portugal

 

Música: Vozes no mar, by  Madredeus

 

 

Voltar Menu

 

Art by Ligi@Tomarchio®