Alcina Maria Silva Azevedo


Nasceu no dia 31 de maio de 1939, na cidade de Cruzeiro, Estado de São Paulo. Residente atualmente na cidade de Campinas – SP, Brasil.
Em 1980 escreveu um livro intitulado Além do nosso mundo, muito elogiado pelo crítico literário João Evangelista Ferraz. É uma estória que vem trazer esperança para aqueles que sofrem suas frustrações, provando que a vida continua as vezes de forma bem feliz na espiritualidade.
Em 1983 – participou do V. Concurso Nacional de Poesias, ganhando menção honrosa pela revista Brasília.
Em 1985 – ganhou prêmio PUBLICAÇÃO, sendo convidada pela mesma Editora a trabalhar como Coordenadora Cultural na cidade de Campinas – SP; para Christina Oiticica (atual esposa de Paulo Coelho), que naquela época era proprietária da Editora Shogun Arte – RJ.
Escreveu durante 4 anos para o Jornal o Estado de Goiás, onde possui muitos debates e poemas publicados. (1982 – 1986).
Tem ainda para serem publicados muitos poemas, e um livro inédito de nome:DESCASADOS.
Tem muitos livros coordenados por ela, como Poetas Brasileiros de Hoje 1986, Ed.Shogun Arte –RJ.Salvados do incêndio da Ed.Codpoe de Lais Costa Velho.Rio de Janeiro. Antologia de cidades brasileiras – Ed.Codpoe- de Laís Costa Velho – Rio de Janeiro.

Espera-me

Espera-me...
pois estou te procurando
meu coração te buscando
e já sentindo o bater do teu.

Farei de tua vida toda a doçura
que um homem pode imaginar!
E no dia desse encontro,
nossos olhos se cruzarão e
nossas pupilas se dilatarão.
Em um explodir de amor e de paixão!

Não te impacientes!
A sintonia já existe.
Insiste!

Estou chegando... falta apenas te tocar.
Eu já te amo, sinto tua alma a me chamar.
Pense em mim de qualquer maneira.
Não diga que isso é uma besteira!
O nosso amor já existe!
Deus já programou todo o caminho.
Só falta eu te encontrar!

Alcina Maria Silva Azevedo


 

A MENTIRA

A maior traição consigo mesma é a mentira. Quem finge o que não sente se trai amargamente. Quem tem medo de dizer a verdade, é prisioneira de seus medos e do vazio da sua personalidade.
Verdade é liberdade!
Mentira é falsidade!
O mentiroso está sempre com medo de não ser aceito pela maioria, então mente, bate nas costas, tudo isso apenas para enganar. É um Judas beijando Jesus.
O mentiroso sempre tem um plano, maquina e envolve com muita sutileza as pessoas ingênuas e de boa fé que se deixam envolver por palavras vãs.
A mentira é infame!
Derrota!
Desconhece a leveza e a grandeza de um viver feliz.
Pessoas mentirosas
São maldosas
Asquerosas
Vivem tramando
Criando
A sua prisão.

Alcina Maria Silva Azevedo 

 

NÃO ME PERGUNTE QUANTOS ANOS TENHO!

NÃO ME PERGUNTEM QUANTOS ANOS TENHO
DEIXE OS ANOS PARA LÁ PASSAREM ALEGREMENTE
SEM ALTERAR A VIDA DA GENTE.
DEIXE QUE OS ANOS ME LEVEM ATÉ A FELICIDADE
E QUE EU POSSA SEMPRE SENTIR SAUDADE.

OS ANOS PASSAM...E A GENTE APRENDE
E AS VEZES DESAPRENDE.
MAS SÃO SEMPRE ANOS VIVIDOS COM VERDADE
ESPREITANDO A VIDA, FAZENDO NOSSA CAMINHADA
E SEMPRE PROCURANDO A FELICIDADE.

E AQUI MEUS AMIGOS EU DEIXO O MEU RECADO:
QUE NUNCA ME PERGUNTEM QUANTOS ANOS TENHO
MAS QUE SE LEMBREM DE MIM
COM MUITA SAUDADE !

Alcina Maria Silva Azevedo

http://www.secrel.com.br/jpoesia/alcinaazevedo.html

 

Música: Secret Love, by Enya

 

 

Voltar Menu

 

Art by Ligi@Tomarchio®